Como usar copywriting nos e-mails

copywriting nos e-mails

Você quer saber como usar copywriting nos e-mails? Neste post daremos algumas dicas muito relevantes para que você tenha uma maior taxa de abertura e para que conquiste seus leads em poucos minutos.

 

Escrever um e-mail pode parecer uma tarefa simples e trivial, mas é preciso se dedicar um pouquinho à sua mensagem para que você tenha melhores índices de conversão.

 

O objetivo do e-mail marketing é permitir um relacionamento mais próximo com seus potenciais clientes.

 

E você deve se atentar a alguns fatores importantes para não perdê-los. Então, acompanhe a leitura!

Por que usar copywriting nos e-mails?

 

Em primeiro lugar, você sabe o que é copywriting? É uma técnica de escrita persuasiva que tem por intuito atrair leads e gerar conversões.

 

Ela se aplica a diferentes contextos, inclusive para os e-mails que você envia aos potenciais clientes.

 

Em sua estratégia de e-mail marketing, é essencial que sua mensagem seja envolvente para que seu lead a leia até o fim.

 

Ao aplicar copywriting nos e-mails, é sempre bom fazer testes A/B para ver o que funciona melhor. Porém, há também algumas diretrizes gerais que são seguidas no marketing digital e que têm funcionado para muitas pessoas.

 

É interessante separar um tempinho e se dedicar bem ao texto, para não correr o risco depois de a mensagem ser movida para o spam. E para evitar que sua inscrição seja cancelada e que você perca um potencial cliente.

 

Se o lead em algum momento aceitou a inscrição, isso significa que ele quer ouvir o que você tem a dizer. Então, não desperdice essa chance com estratégias mal-elaboradas de e-mail marketing.

 

Um exercício interessante é se colocar no lugar de quem vai receber a mensagem. Como você reagiria?

 

Para ajudá-lo nesta tarefa, separamos algumas dicas de como usar copywriting nos e-mails. Confira!

Capriche no título do e-mail

 

O título precisa despertar a atenção, pois a abertura do e-mail dependerá exatamente da efetividade do assunto tratado.

 

De nada adianta você ter um texto incrível no e-mail se o lead não se interessar pelo título. Como resultado, a mensagem não será lida.

 

Então, o título merece atenção especial. Ele precisa ser atraente e aguçar a curiosidade de seus leitores.

 

Mesmo que você leve um certo tempo para escolher a linha de assunto ideal, vale a pena se dedicar a essa etapa para que você tenha uma alta taxa de cliques.

 

Atente-se também para o tamanho do título. Quando são mais curtos, com no máximo dez palavras, há uma maior tendência de abertura de e-mails.

 

Dê atenção também a verbos de ação. Isso não precisa estar presente em todos os e-mails que for enviar, mas é bom que haja alguns que digam o que o lead precisa fazer. Vale lembrar que os verbos de ação ativam o gatilho mental da urgência.

Não seja impessoal

 

Outra dica de copywriting nos e-mails é não ser impessoal.

 

Uma forma de criar proximidade com o destinatário é utilizar seu próprio nome no remetente, em vez do nome da empresa. Além disso, você pode se dirigir ao lead pelo primeiro nome também.

 

Para gerar conversões, você deve estabelecer um diálogo como se estivesse conversando com uma pessoa apenas. E não para centenas de pessoas de forma genérica.

 

Imagine que você está conversando com um amigo ou com alguém conhecido. Desse modo, você conseguirá criar uma melhor conexão com seu lead.

 

Para isso, mantenha um tom de coloquialidade, evite usar palavras difíceis e se dirija ao destinatário usando “você”.

Não use jargões técnicos

 

A ideia do e-mail marketing não é demonstrar o conhecimento técnico que você tem sobre determinado assunto.

 

Portanto, você deve utilizar termos que seu público compreenda facilmente. Em vez de usar jargões técnicos, foque na solução de problemas dos leads e em como você pode ajudá-los.

 

Para usar copywriting nos e-mails de forma eficaz, utilize uma linguagem clara e sem frases muito longas.

Foque nos benefícios

 

Não se limite a apenas descrever as características de um produto ou serviço. Foque nos benefícios.

 

Explique para o seu destinatário como a sua vida poderá ser transformada ou como o que você tem a oferecer será útil e recompensador.

Evite textos muito longos

 

A mensagem de e-mail não pode ser muito longa, pois isso aumenta as taxas de rejeição. Seja conciso e resuma seu texto apenas ao que é necessário.

 

As pessoas em geral preferem mensagens mais curtas de e-mail. Então, não enrole nem seja prolixo, caso contrário sua mensagem será facilmente abandonada.

Visual clean

 

Não deixe que a comunicação visual da sua mensagem seja “poluída”. Prefira um visual mais clean, com espaços em branco suficientes que facilitem a leitura.

 

Atente-se também para a largura da caixa de texto, para que não seja muito extensa.

 

Outra dica útil de copywriting nos e-mails é utilizar uma fonte que torne a leitura fácil também.

 

Evite usar caixa alta em excesso, pois a mensagem poderá ser entendida como spam. Além disso, não escolha um tamanho de letra muito pequeno.

Conteúdo relevante

 

Para que seu conteúdo seja relevante, seja específico na sua mensagem. Não envie e-mails genéricos e sem um propósito definido.

 

Saiba em qual etapa da jornada de compra do cliente se encontra o seu destinatário.

 

Inclusive, você pode utilizar diferentes funis de e-mails para diferentes estágios do funil de vendas. É possível segmentar esses funis em ferramentas de e-mail marketing, como a Leadlovers.

Use gatilhos mentais

 

Os gatilhos mentais são muito poderosos para ativar na mente do lead um desejo que o leve a uma ação.

 

No caso do marketing digital, o objetivo é que essa ação se converta em vendas. Para isso, alguns gatilhos que podem ser explorados são: prova social, escassez, urgência, curiosidade e loop.

 

É interessante usar gatilhos também nas CTAs, que incentivam o lead a agir.

 

O que achou das dicas de copywriting nos e-mails? Deixe seu comentário!

 

 

Artigo convidado

 

Soraya Utsumi

Adeus, Ponto! é um blog voltado para empreendedorismo digital, principalmente para pessoas que se interessam pelo marketing de afiliados.

vinicius ferrares

vinicius ferrares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SOBRE O BLOG

o TecnoCurioso, é um blog feito por designers apaixonados para designers e pessoas que se identificam com a área de criação e outros assuntos ligados a tecnologia, sejam bem vindos !

POSTS RECENTES